Passagem (Imensa igualdade)

Zoroastro

Compositor: Paulo Freitas Bittencourt Vieira Zoroastro

Na passagem pra noite o escuro me alegra
Na fineza do açoite que o silêncio desperta
Cada homem procura os prazeres da vida
Entra a noite tranquila, a passagem cedida
Querendo saciar, querendo saciar, querendo saciar
Mas, todos irão para o mesmo lugar
Mas, todos irão para o mesmo lugar

Sedentos à volta, os amantes noturnos
O cansaço os espera outro dia chegar
Com a nova esperança de poder proclamar
Com a nova esperança de poder proclamar
Querendo saciar, querendo saciar
Mas, todos irão para o mesmo lugar
Mas, todos irão para o mesmo lugar

Na passagem ao dia luz me dá alegria
Na firmeza do espia, de um barulho se cria
Cada homem procura desatar seu dever
Mais um dia de estufa que ele espera vencer
Querendo saciar, querendo saciar
Mas, todos irão para o mesmo lugar
Mas, todos irão para o mesmo lugar

©2003- 2018 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital